Mídia

HSMAI Brasil na mídia

HSMai: Gentileza como vantagem competitiva no mercado corporativo

HSMai: Gentileza como vantagem competitiva no mercado corporativo

Gentileza gera gentileza. Em letras garrafais, projetadas em dois telões, a frase serviu de tônica para David Backer, professor da The School of Life, esmiuçar sua impressão a respeito da conduta ideal para o avanço no mundo corporativo. O palestrante e jornalista inglês falou durante a edição de hoje (10) do Strategy Conference da HSMai, que acontece em São Paulo.

Para o executivo, a maior parte dos grandes executivos erra ao associar atos de compaixão e gentileza à fraqueza de ações e ao entender que os bons resultados vêm da postura agressiva pura e simplesmente.

Para exemplificar sua tese, Backer revisou alguns pensamentos de filósofos modernos acerca da tendência egoísta do ser humano e, por meio destes pensadores, justificou sua visão. “O pensamento moderno enaltece a concorrência pradatória. Mas isso não é verdade. Justamente o contrário. Ser forte e inteligente é ser gentil e isso também leva aos resultados”.

Nessa conjuntura as ações gentis ganham terreno no trato entre os trabalhadores da corporação e culminam em boa convivência aliada a ganhos financeiros. Em três passos conseguimos trazer a gentileza para nossas vidas profissionais. Tais passos são: empatia, curiosidade e saber ouvir”

Nesse momento, Backer explicou com mais detalhes cada passo e como aplicá-los no convívio profissional. “Empatia é uma habilidade de negócios porque quem tem isso pode analisar melhor necessidades. A curiosidade é o que te leva a desvendar quem você não conhece até o compreender”, aponta.

Para o fator final, o ouvir, o palestrante ressaltou uma tendência de comportamento que atrapalha o desenvolvimento dessa habilidade. “Hoje em dia ouvir é artigo raro. Não sabemos ouvir porque já estamos pensando no que responder quando alguém ainda fala. Assim não assimilamos o que querem nos passar. Isso pode ser desenvolvido”.

Fonte: Hôtelier News